Como identificar os desperdícios e processos de valor para o cliente em uma empresa uma cultura lean

O pensamento enxuto é uma maneira de você dar início a melhoria e a reorganização de um ambiente produtivo. Um caminho a se seguir através de identificar o que é valor para o cliente.

Pois assim, entendendo o que é valor para o cliente você será capaz de identificar e eliminar os desperdícios, buscando o melhoramento contínuo dos processos, e assim alavancando a sua posição competitiva, em particular no que se refere à fatores como a velocidade no atendimento aos clientes, a flexibilidade para se ajustar ao seus desejos específicos, a qualidade e o preço do produto ou serviço ofertados.

A implantação do Lean tem sido essencial para trazer uma diminuição dos tempos totais de atendimento, redução dos índices de falhas, aumento da rotatividade de estoques e baixa dos custos de produção.

E, para que está implementação seja efetiva, é preciso identificar o que é valor para o cliente e identificar os desperdícios.

Identifique o que é valor para o cliente

Para um entendimento profundo da visão Lean é importante que tenhamos em mente que o termo desperdício ganha uma conotação específica e uma autêntica subordinação à ideia de valor. Mais especificamente, ao valor percebido pelos clientes considerando suas expectativas, necessidades e desejos.

A melhor maneira para se identificar os desperdícios segundo a visão Lean, é se colocar na posição do cliente e refletir criticamente sobre os processos de produção, na forma como estão sendo feitos, para enxergar como os produtos e serviços estão chegando até ele. Portanto, é importante avaliar como as tarefas de produção ou atendimento são hoje executadas no sistema.

Verifique quais aquelas que são de fato úteis para o cliente e que tarefas são realizadas em favor das economias de escala dos próprios ativos do sistema. Ou são feitas em função de hábitos históricos, ou mesmo pelo simples conforto em realizá-las de uma forma aparentemente mais tranquila.

A conclusão é simples, ao identificar o que é valor para o cliente, chega o momento de começar ae apromorar a forma como este valor chega atéele, porque se para garantir a rentabilidade de um negócio o provedor submete o cliente a continuados desconfortos, será bastante provável que logo concorrentes ou novos ofertantes de serviço se aproveitem e posicionem pacotes de valor mais atraentes. Clientes insatisfeitos não hesitarão em trocar de fornecedor!

Identificar os desperdícios

Hora então de pensar a reforma do sistema de produção para compatibilizar valor para o cliente” e ter o melhor “aproveitamento do ativo”. Após identificar o que é valor para o cliente, já se tem o parâmetro adequado para discernir, dentre as atividades de produção, quais aquelas que de fato agregam ou não agregam valor para o cliente. Assuma como juiz do valor o cliente. Realize então, um fluxo (ou também conhecido como mapeamento de processos) representando as atividades correntemente realizadas. Em seguida analise como o cliente, o material e a informação percorrem este fluxo. Fique atento aos tempos, se estão sendo produtivos ou se podem ser caracterizado como desperdícios.

Uma observação importante é que em empresas que crescem rápido, a implantação da cultura lean se torna fundamental pois, por conta da dificuldade em implementar projetos de melhoria, é possível encontrar muitos desperdícios que podem ser eliminados..

Dentre os processos dentro da empresa que podem ocasionar em desperdícios e assim prejudicando a entrega de valor ao cliente, estão alguns que frequentemente apresentam áreas onde é possível identificar grandes perdas com desperdícios, por exemplo, o estoque de suprimentos, em muitos casos muitos materiais estocados acarretam em gastos desnecessários, o que impede uma redução de custos e desperdícios.

Todo este empenho e capital investido nessa área pode impedir que outras partes da empresa funcionem corretamente, levando até a um aumento dos preços dos serviços ou produtos ofertados pela empresa, seguindo o contrário do que prega a cultura lean.

Concluindo

Por meio da aplicação de uma cultura enxuta, consegue-se avaliar qual o valor que o cliente gostaria de receber, e assim, organizar a empresa afim de atingir esta proposta de valor, reduzindo os desperdícios e até eliminando-os. Podemos perceber que muito deste desperdício vem de suprimentos que estão estocados sem necessidade e que podem ser reduzidos.

E, para ajudar a como realizar as compras de suprimentos visando uma redução de desperdícios, já escrevemos aqui no Blog como a tecnologia e o comportamento do comprador pode influenciar este momento e atingir mais eficiência usando da cultura enxuta que visa trabalhar sempre com o minimo.

Leave a reply